6.2.10

Crítica: "Despertar" - Crónicas Vampíricas, de L.J. Smith

Título original : Vampire Diaries – The Awekening
Páginas: 272
Autora: Lisa Jane Smith
Edição/ Reimpressão: 2009
Colecção: Crónicas Vampíricas
Editor: Planeta
P.V.P.: 13.85€


Sinopse: «Está na hora, Stefan», pensou Elena. E, com enorme delicadeza, atraiu de novo a boca dele para baixo, desta vez para a sua garganta.
Na Itália renascentista, os irmãos Stefan e Damon Salvatore enfrentam-se pelo amor de uma jovem. Séculos mais tarde, voltarão a fazê-lo por Elena Gilbert, uma das suas colegas de liceu, que desconhece a sua verdadeira identidade.
Stefan Salvatore, o novo aluno de Fell’s Church, arrasta com ele um passado misterioso, e também alguém que apenas deseja vingança, o seu irmão Damon: são mais do que irmãos de sangue e o seu ódio ultrapassa as barreiras do tempo... Agora procuram reproduzir um mortífero triângulo amoroso que tem no centro Elena, jovem mais popular do liceu.

Uma história de amor e vingança que atravessa os séculos.


________________

Opinião: Antes de vos dar a minha opinião, devo dizer que este livro, assim como os restantes desta autora foram escritos muito antes (1991) dos de Stephanie Meyer (autora da famosa Saga Luz e Escuridão).

Ultimamente temos sido bombardeados com apostas de cariz vampírico para um público juvenil, que se sente cada vez mais atraído para um mundo irreal onde tudo acontece, desde existirem vampiros a estes apaixonarem-se por humanos.

A história deste livro desenrola-se em Fell's Church uma cidade pequena dos Estados Unidos, que nós presenteia com a disputa de dois irmãos que por amor transformaram-se em vampiros. Ao que tudo indica inicialmente parece ser uma típica história de adolescentes, onde tudo acaba bem e parece ser um mar de rosas, mas à medida que nos vamos envolvendo na história apercebemos-nos que L.J. Simth quer transmitir-nos uma outra ideia.
A protagonista, Elena Gilbert, é a típica rapariga que está habituada a ter tudo aquilo que deseja, não se contentando com um não. Contudo aquando o aparecimento de um jovem, Stefan Salvatore, que aparece-lhe como sendo algo novo, educado, bonito e que lhe dá a perceber uma inacessibilidade, provocando assim ainda mais a atracção de Elena por Stefan.
Mas há algo que Elena a menina bonita e popular do liceu não sabe...

Stefan é um vampiro, tem um irmão e este último, Damon tem um ódio de morte face ao Stefan.

Gostei do livro, apesar da temática estar um pouco batida, cada página suscitava um interesse nos caminhos que as personagens tomariam, na forma em como reagiriam, dando-nos um final que nos faz esperar pela continuação colocando-nos questões sobre o que acontecerá a segir.

Acredito que todos aqueles que gostaram de Crepúsculo irão deliciar-se com a colecção Crónicas Vampíricas, onde mais uma vez tudo pode acontecer entre vampiros e humanos.


15 anos antes de Edward se apaixonar por Bella, Elena beijou Stefan.
15 anos antes de Edward abandonar Bella, Elena teve de escolher entre Stefan e Damon.

Assim, Lisa J. Smith convida todos os leitores a seguir a vida deste triângulo amoroso, já agora este livro está mais que recomendado. :)

Tanas'

2 comentários:

Tatiana disse...

bem, eu sinceramente não fiquei muito cativada com esta estória. É boa para entreter mas não nos trás grande coisa nova... a série está melhorzinha...

t i a g o disse...

Além de ter abandonado o tema vampírico desde que entrou em moda há mais de um ano atrás, acho as capas destas Crónicas Vampiras um bocado feias... e apesar da tua opinião positiva, não me parece que vá experimentar. :/

Bom fim de semana!

Tiago